Eles passarão , eu passarinho. - Mario Quintana

domingo, 23 de outubro de 2016

Gambá com Gambá

E hoje o "tio Google" lembrou-me da existência desta página... Eu realmente nem lembrava mais que havia criado este blog, inicialmente apenas para salvar vídeos de minha preferência e tê-los como uma espécie de atalho para assistir sem precisar carregá-los no youtube. No entanto não imaginava que tantas pessoas visualizassem os meus posts.Quando entrei nas configurações da conta haviam vários comentários aguardando avaliação (todos já fazem muitos anos que foram lançados) , por este motivo não irei responde-los porque alguns endereços nem existem mais. Muitas coisas mudaram desde o ultimo post mas o que não mudou foi a minha vontade de escrever, tenho muito gosto por esta arte , a qual evidencio minha imaturidade e falta de experiência, pois apenas escrevo como hobby , para aliviar dores , as palavras sempre auxiliaram -me quando precisei fugir da realidade. Aos poucos irei modificando algumas coisas , mantendo outras ( adorei reler publicações de anos atrás , nos provam o quanto mudamos e amadurecemos), também visitarei mais blogs e páginas similares gostei da troca com outros escritores anônimos, prometo ser menos desleixada com minha vida virtual,( acreditem não consigo desapegar da vida carnal kkkk)não consigo valorizar mais imagens do que ações. Mas prometo ser mais caprichosa com o blog , emails, whatsapp , facebook e afins. E para finalizar estes humildes dizeres , socializo este texto da minha fonte de tantas inspirações, a genial Martha Medeiros que através da crônica "Gambá com Gambá" nos deixa tantas mensagens , não somente a que está explicita e sim a implícita e que toca na realidade de cada um ... e para mim diz o seguinte: - onde encontramos nossas semelhanças, ali começam nossas diferenças. E fica a reflexão... 



Nenhum comentário:

Postar um comentário